EFI : European Forest Institute
Support EFIATLANTIC
Pinède
Le réseau pour la gestion durable des forêts cultivées.

français espagnol portugais english

FORSEE : Indicateur évalué

Indicador 4.10C. : Diversidade de Aves

Custo

Custo total

12 500 €

Custo por ponto de amostragem em cada

90 €

(inclui recolha no campo de espécies de aracnídeos, identificação e respectiva análise)

Resultados

graf1

Figura 1 – Abundância de pássaros por tipo de povoamento. (a) e (b) indica diferentes grupos após aplicar teste Newman-Keuls.

graf2

Figura 2 – Riqueza de espécies (S) de pássaros por tipo de povoamento. (a), (b) e (c) ) indica diferentes grupos após aplicar teste Newman-Keuls.

graf3

Figura 3 – Diversidade de espécies (Shannon-Wiener index) de pássaros por tipo de povoamento. (a) e (b) indica grupos diferentes após aplicar teste.

graf4

Figura 4 –Relação entre riqueza de espécies de pássaros e abundância total de pássaros.

graf5

Figura 5 – Relação entre Parus major abundância (número de pares) e riqueza de espécies de pássaros.

Observaciones

Durante a amostragem por contagem no loca/parcela foram registadas 43 espécies de pássaros, mas apenas 34 espécies foram consideradas para análise. Carriça (Troglodytes troglodytes), Pisco-de-peito-ruivo (Erithacus rubecula), e Toutinegra-de-barrete-preto (Sylvia atricapilla), foram as espécies mais frequentes ocorrendo na proporção de 82%, 78% e 65%, respectivamente.

Problemas y mejoras

O principal factor que influencia a riqueza e diversidade de espécies é o tipo de povoamento, mais do que a configuração do habitat (e.g., estrutura do povoamento, complexidade do sub-coberto).

Comentarios y discusión

Apesar da elevada variabilidade dentro de cada tipo de povoamento, é possível isolar diferenças no padrão de variação de um dado descritor. Por exemplo, abundância de pássaros é significativamente menos elevada nas plantações de eucalipto (G2.81) do que nos outros povoamentos, como apresenta a Figura 1. A riqueza e diversidade de pássaros variam de forma similar, mas apresentam valores mais baixos nas plantações de eucalipto, quando comparado com outros povoamentos, incluindo matos (F4.24), como se observa nas figuras 2 e 3.

A riqueza de espécies de pássaros está fortemente correlacionada com a abundância total de espécies de acordo com a Figura 4. Na figura 5 observa-se a correlação evidente entre a espécie de pássaros e a total abundância de pássaros, que revelam a possível utilização como indicador substituto.

logo1logo2
Projet cofinancé par l'Union Européenne
Initiative Communaitaire FEDER
INTERREG IIIB Espace Atlantique