EFI : European Forest Institute
Support EFIATLANTIC
Pinède
Le réseau pour la gestion durable des forêts cultivées.

français espagnol portugais english

FORSEE : Indicateur évalué

Indicador 4.4 : Espécies florestais introduzidas

Custo

Custo Total

755.68 €

Custo por ha

0.09 €

(inclui aquisição da ocupação do solo e processamento da informação)

Resultados

Tabela 4 – Área de espécies introduzidas para diferentes classificações

table

Observações

A maior parte da área em estudo é constituída por espécies introduzidas (95%). No caso do Pinus pinaster, é uma espécie que naturalmente tem uma distribuição próxima desta e que se tem adaptado bem às condições ambientais. O Pinus pinaster foi introduzido já há muito tempo e apresenta uma excelente regeneração natural. Portanto, tem-se considerado usualmente como uma espécie de distribuição natural, existindo comummente a dúvida, se esta espécie deve ser ou não, considerada com uma espécie autóctone na região.

Problemas e melhorias

Conclusões

Os povoamentos de Eucalyptus globulus estão distribuídos exclusivamente na propriedade privada e nas cotas baixas, sendo nas cotas mais altas substituído por plantações de Pinus pinaster (G3.71) ou de resinosas diversas (G4.F). As folhosas diversas (G1) foram detectadas essencialmente nos perímetros florestais (área pública), cujas plantações datam de mais de 50 anos e que na actualidade apresentam regeneração natural constituindo povoamentos irregulares.

logo1logo2celpa
Projet cofinancé par l'Union Européenne
Initiative Communaitaire FEDER
INTERREG IIIB Espace Atlantique